Clique para tradução da página / Click for translation of the page

Menu de Navegação

domingo, 10 de fevereiro de 2013

Aproveitando o Carnaval para resgatar a alegria

 
 
O carnaval chegou e para alguns serão dias de descanso, para outros dias de folia.  Uns gostam de carnaval, outros não. Enquanto alguns se acabam curtindo a festa, outros aproveitam para curtir a família, fazer viagens ou até mesmo retiros espirituais. De qualquer modo, é um período de feriado estendido no Brasil em que a maioria das pessoas aproveita para sair da rotina e relaxar, cada qual à sua maneira. Opiniões à parte, já que o carnaval é considerado a “Festa da alegria” Que tal aproveitar os feriados para resgatar a alegria? Há vários estudos que comprovam que a alegria é um estado de espírito que deve ser conquistado, partindo de dentro de si mesmo. Quem espera as condições ideais externas para somente então encontrar a alegria e a felicidade, jamais as encontrará. No mundo atual, vivemos apressados, trabalhando, correndo atrás de responsabilidades e objetivos de vida, estressados e ansiosos, acreditando não termos tempo para pararmos e cuidarmos do que deveria ser básico: a nossa felicidade.  Segundo os estudos da Psicologia Positiva, a grande maioria dos seres humanos inverte a fórmula da felicidade por pensar coisas como essas: “ Devo trabalhar muito para ter sucesso e só depois de ter sucesso eu serei feliz.” Ou então:” Se  ganhar na loteria eu serei feliz” . Ou ainda: “Se eu for promovido, serei feliz”, “quando eu emagrecer,  serei feliz”, “ se eu encontrar um amor, serei feliz”... Se... se... se... quando... quando... quando??? Ao colocarmos sempre a felicidade depois de alguma coisa, jamais a encontraremos, pois a colocaremos no futuro e não no presente. Vamos viver em um processo de constante insatisfação sempre buscando a felicidade onde não estamos. É importante que aprendamos a ter uma atitude de gratidão em relação a pessoas, coisas e situações que já fazem parte de nossas vidas,  e a valorizar mais os momentos positivos que os negativos, ao invés de nos concentrarmos no que ainda não temos. É também importante aprendermos a desenvolver outras atitudes positivas como gentileza, polidez, paciência, aceitação. Não se trata de ver a vida com “óculos cor de rosa” ou o discurso superficial de “vamos pensar positivo que tudo se resolve”. Trata-se de tomarmos consciência de nossas melhores características e de nossas emoções positivas, para depois usá-las, cuidando de nós e de nossas relações, com a finalidade de termos uma melhor qualidade de vida.  Vamos então fazer um rápido exercício para aprendermos a potencializar nossas emoções positivas e redescobrirmos em nós motivos para sermos felizes agora!  Pense nesse momento em algo que o deixa infeliz, insatisfeito, alguma situação de seu dia a dia que tenha a ver com seu emprego, sua família, seus relacionamentos de amor ou amizade, sua vida de todos os dias. Visualize esta situação, tentando enxergá-la bem real em sua imaginação: as cores, o ambiente, o jeito das pessoas envolvidas. Sinta a emoção que ela provoca. Agora dê uma  nota de 0 a 10  para a intensidade dessa emoção. Depois disso, pense em alguma situação que o deixa feliz, satisfeito, também ligada ao seu trabalho, família, ou relacionamentos de amor ou amizade.  Visualize essa situação, enxergando-a bem real em sua imaginação e sentindo a emoção que ela provoca. Dê também uma nota de 0 a 10 para a intensidade dessa emoção.
Agora compare: Qual foi a maior nota? A da emoção de felicidade, ou de infelicidade.? Qual evento você visualizou mais nítido, e qual das duas emoções foi mais intensa?  Se foi a de infelicidade, você está focando mais em sua vida naquilo que não tem, ou que o deixa aborrecido, do que naquilo que tem e o deixa feliz. Se isso aconteceu com você, refaça novamente o exercício de visualização da situação de felicidade, prestando uma maior atenção a todos os detalhes, às cores, ao ambiente, potencializando a emoção positiva para que ela se torne mais forte, maior. Uma das formas de expandi-la é agradecer, deixar-se tomar por um grande sentimento de gratidão por essa situação.
Não devemos viver reclamando e alimentando a idéia de que temos um péssimo emprego, uma saúde frágil, poucos amigos, pouco dinheiro, pouco amor. Alimentar esses pensamentos e nos concentrarmos na falta, do que não temos, realmente nos torna infelizes. Devemos focar mais naquilo que possuímos e nos traz alegria e agradecermos pelo que já temos. Aproveitemos o feriado do Carnaval para fazer mais vezes esse exercício e revermos nossos conceitos de alegria e felicidade.
Bom Carnaval e muita alegria a todos! 

 Márcia Palis 09/02/2013


Entrevista - Programa Bem Viver


Márcia Palis em participação ao vivo no programa Bem Viver de 09/08/2014 na TV Integração Regional( Rede Globo).

Tema: como manter acesa a paixão nos relacionamentos depois de um certo tempo de convívio.

Muito obrigada mais uma vez pela atenção e o trabalho de vocês.

Abraços de Minas.

Entrevista : Fatores que podem atrapalhar a saúde emocional do trabalhador - Outubro/2015

Entrevista : Fatores que podem atrapalhar a saúde emocional do trabalhador - Outubro/2015
ASSISTA O VÍDEO NA ÍNTEGRA AO CLICAR NA IMAGEM. AGRADECIMENTO : A MG TV - Rede integração (TV Globo) aqui da região do Triângulo Mineiro.

Vamos rever todos os textos publicados?

Vamos rever todos os textos publicados?

Seguidores

Sinta-se Livre...Mude seus Paradigmas.

Sinta-se Livre...Mude seus Paradigmas.
Conheça nosso trabalho com a EFT - Técnica de Libertação Emocional.

Logomarca de sucesso.

Logomarca de sucesso.
Clique no banner e visite a nossa homepage

cursor