Clique para tradução da página / Click for translation of the page

Menu de Navegação

domingo, 28 de novembro de 2010

A melhor idade para amar







Será que existe uma idade certa para viver uma história de amor? Quantas pessoas não se permitem vivenciar esse sentimento por acharem que é cedo ou tarde demais, por priorizarem outras coisas em suas vidas como trabalho, carreira, estudo ou diplomas? Quantos não deixam de viver um grande amor, por acharem que já passaram ou ainda não estão na idade certa?
Vamos refletir juntos: Seria a melhor idade a adolescência? Talvez sim, pois é a fase de descobertas de si mesmo, de suas emoções e de seu corpo, o momento em que se sai do contexto familiar para o aprendizado da relação com o outro. Entretanto, talvez não seja o momento certo, pois a inexperiência pode levar a desencontros e decepções.
Então, que tal aquela idade entre 20 e 30 anos, quando ainda se é jovem, mas já existe uma maturidade e uma relativa experiência de vida, que irá permitir maior seletividade nos relacionamentos? Mas esta é também a idade de maior produção intelectual e maior energia para se investir nos estudos e carreira, e não se deve perder um segundo, já que a vida passa tão depressa e o mercado de trabalho exige cada vez mais dedicação e tempo.
Seria a melhor hora após os 30 ou 40, quando supostamente o tempo e a dedicação terão proporcionado uma carreira bem sucedida e um equilíbrio financeiro? Talvez, mas muita gente nesse momento já pensa que amor e romantismo são coisas da adolescência e podem se sentir ridículos com os sobressaltos e pieguices do amor romântico.
E depois dos 50 ou 60 então? Ah, aí muitos se sentem velhos demais e não se acham nem no direito de pensar em ter tal sentimento! Podem até ter vontade, mas geralmente sabotam essa vontade, por estarem presos a padrões que aprenderam um dia, como aquele que diz que após os 50, temos somente a capacidade de sermos tios e avós.
Vocês podem até achar que estou exagerando, mas a cada dia me deparo com mais pessoas que pensam dessa maneira em todas as faixas etárias. E o que se nota na verdade, é que todas estas justificativas escondem mesmo é um grande medo de amar. Conheço muitas pessoas que vivem uma vida mais ou menos, namoram mais ou menos, amam mais ou menos, casam mais ou menos, se relacionam mais ou menos, simplesmente por medo de se entregar, por medo de sofrer. Deixam assim de viver experiências deliciosas simplesmente por que acreditam que é melhor não se arriscarem.
Não há uma melhor idade para amar. Não existe um tempo certo para viver um amor romântico. Pode-se ter 15, 20, 30. 40, 50, 60, 70, 80. A capacidade do ser humano de amar e viver suas emoções não tem relação com a idade. Em qualquer momento da vida o amor pode aparecer. É só abrir o coração e acreditar em sua capacidade amorosa. É só sentir a plenitude de suas emoções e esperar. Sempre poderá surgir alguém em sintonia com seus sentimentos, se você realmente acreditar que isso é possível e que merece ter amor em sua vida. Cada idade tem seu jeito de amar, mas o sentimento se torna maravilhoso e profundo se você se despir dos preconceitos e deixar o amor acontecer naturalmente.

Marcia Palis



3 comentários:

  1. Lucinha Ubirajara
    Rio de Janeiro
    Paz ao povo carioca.

    Sempre boas matérias para a gente ficar esperta na arte do amor.
    Tenho certeza que uma mulher linda e cabeça igual a senhora deve arrasar quarteirões, isso é para quem pode...rsrsrs.
    Concordo com o tema sendo que o amor não tem idade mesmo. Meu gato é mais velho do que eu, porém manda ver legal na arte de amar e me faz bem feliz...nem te conto o quanto é bom...rsrsrsrs.
    Um beijo e que venha mais coisa boa por aí afora.
    Consultoria em amor e sedução é bem chique é vc é professora ideal.

    ResponderExcluir
  2. De forma clara vc explicou bem esse tema e achei de uma tremenda sensibilidade e resolvi comentar.
    Já tive problemas quando mais jovem com rapazes, devido alguns serem mais velho e isso caiu em crises de ciúmes muitas vezes. Mas devido a minha boa cabeça, consegui contornar isso já quando adulta e hoje mesmo sendo bem mais jovem que meu marido, nós dois temos uma boa sintonia na relação.
    Seu blog é muito bom e bem sedutor, não tenho dúvida do seu imenso sucesso.
    Tudo de bom para vc e sua família e fica com o abraço de uma alagoense que admirou seu trabalho.
    Geani Dias.
    Maceió / AL

    ResponderExcluir
  3. Adorei a matéria, muito boa principalmente pra adolescentes que estão nessa fase de se apaixonar.
    Muito sucesso no seu curso de amor e sedução.
    Beijosss
    Pamela Pereira

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita e volte sempre!

Entrevista - Programa Bem Viver


Márcia Palis em participação ao vivo no programa Bem Viver de 09/08/2014 na TV Integração Regional( Rede Globo).

Tema: como manter acesa a paixão nos relacionamentos depois de um certo tempo de convívio.

Muito obrigada mais uma vez pela atenção e o trabalho de vocês.

Abraços de Minas.

Entrevista : Fatores que podem atrapalhar a saúde emocional do trabalhador - Outubro/2015

Entrevista : Fatores que podem atrapalhar a saúde emocional do trabalhador - Outubro/2015
ASSISTA O VÍDEO NA ÍNTEGRA AO CLICAR NA IMAGEM. AGRADECIMENTO : A MG TV - Rede integração (TV Globo) aqui da região do Triângulo Mineiro.

Vamos rever todos os textos publicados?

Vamos rever todos os textos publicados?

Seguidores

Sinta-se Livre...Mude seus Paradigmas.

Sinta-se Livre...Mude seus Paradigmas.
Conheça nosso trabalho com a EFT - Técnica de Libertação Emocional.

Logomarca de sucesso.

Logomarca de sucesso.
Clique no banner e visite a nossa homepage

cursor